fbpx

De Embaixador da Inovação a palestrante: conheça a história do professor Tiago Cauassa

Tiago Cauassa é instrutor e professor de robótica na ControlBot e na Arduino Manaus. E além de ser Embaixador da Inovação, agora ele também foi palestrante na última edição! Confira a trajetória dele com o programa e com a BBC micro:bit.

Os objetivos profissionais do professor Tiago Cauassa, de Manaus – AM, são muito similares com os do projeto Embaixadores da Inovação: multiplicar conhecimento e compartilhar experiências para inovar na educação! Tiago, além de ser instrutor e professor de robótica nas instituições Arduino Manaus e ControlBot, participou de duas edições do Embaixadores da Inovação: uma de Educação Infantil, em dezembro de 2018, e outra na área Maker, em fevereiro deste ano.

Na sua última participação, ele foi um dos palestrantes presentes na programação, e contou para os novos colegas sobre sua experiência como Embaixador e também sobre sua história com a BBC micro:bit, que possibilitou sua ida a Londres com a aluna Kathellen, de 10 anos, para participar do Micro:bit Global Challenge, um desafio internacional da Fundação Microbit. E nós conversamos com ele para ouvir sobre esta vivência! Confira:

 

Qual foi o seu primeiro contato com o Embaixadores da Inovação?

“Foi em 2018, quando eu pesquisei sobre a formação da LEGO® Education. Eu estava começando uma atividade com robótica, e primeiramente encontrei outro material. Porém, conversei com um amigo meu que trabalhava com as soluções da LEGO Education há alguns anos, e ele me explicou as vantagens delas, como elas funcionavam e quem representava a LEGO Education aqui no Brasil.

Então, fui buscando mais informações. Um outro amigo meu já tinha o sistema e soluções da Positivo na sua escola, e ele já havia participado do Embaixadores da Inovação! Foi então que perguntei mais detalhes, procurei mais informações sobre o projeto, como funcionava. Então consegui participar pela primeira vez em dezembro do ano passado.”

Dentro das suas duas experiências no programa, qual você considera a mais marcante?

“O primeiro impacto do evento de dezembro foi muito grande. Tinham muitas atrações e muitos participantes, sem contar a experiência de outras escolas que foram trazidas dentro do curso.”

 

Quando você voltou da sua primeira edição, o que te fez querer participar novamente?

“O Embaixadores da Inovação é um evento muito encantador. E eu acho que uma coisa que faz ele se diferenciar e me traz essa percepção é a maneira que a equipe trata a gente. Eu me senti muito em casa, muito acolhido. A gente sai da nossa cidade, passa horas dentro do avião para chegar no local e fazer a formação, e eu sempre fui muito bem acolhido, com um sorriso no rosto. O local favorece, a iluminação favorece, a comida favorece.

Quanto ao conteúdo, foram as atividades lúdicas e principalmente a diversão que mais me deram vontade de voltar. A gente se diverte, põe a mão na massa, aprende coisas novas, faz novos amigos, e revê também algumas pessoas que conhecemos em outras edições do Embaixadores.

E como foi sua experiência com sua palestra na última edição?

“Foi muito legal mesmo! Acho muito válido a Positivo trazer escolas que têm estes cases, e fazer com que elas possam participar do evento desta maneira, porque elas também querem compartilhar suas experiências. Aqueles que estão chegando agora vão ver que a pessoa que está palestrando está contando uma experiência boa com as soluções, e ela está ali para compartilhar! E eu acho muito importante mostrar isso para as pessoas que estão participando pela primeira vez.”

 

Incluindo os projetos que você já realiza com a BBC micro:bit, o que mais você pôde e acha que vai poder viabilizar depois de ter participado do Embaixadores?

“Organizar competições de robótica, não apenas participar das competições da First® LEGO® League, ou First® LEGO® League Jr.: eu me sinto muito seguro para organizar e fazer parte destes eventos. Não só os grandes, mas também fazer minhas próprias iniciativas. Já realizei duas atividades de robótica dentro de shoppings, e me sinto muito seguro para isso.

Estamos planejando mais um evento, e, tendo o nome do Embaixadores e conhecendo a forma que os treinadores da LEGO Education e a equipe representante da Positivo utilizam estes materiais, temos o respaldo de usar da maneira correta.

Se não fosse pelo Embaixadores, eu sempre teria aquele sentimento de insegurança, de me questionar se estou indo pelo caminho certo. Esta carga de conhecimento que o programa nos transmite, me dá um sentimento de confiança de participar desses grandes eventos e projetos.

Quanto ao BBC micro:bit, realizo projetos desde janeiro de 2018, e agora no Embaixadores também entrei em contato com a equipe do Inventura, aprendi sobre a plataforma, e vou ter segurança para falar sobre materiais didáticos desta solução, por ter participado de uma formação oficial.”

Conte um pouco sobre sua experiência com a BBC micro:bit!

“No final de 2017, eu estava fazendo uma pesquisa para a Arduino Manaus, com a ajuda do meu irmão (Davi Cauassa, na foto) e descobri a BBC micro:bit. Assim que eu comprei minha primeira plaquinha, eu comecei a explorá-la. Uma semana depois, eu recebi um link para competir no Hackaton Desafio 4.0 da Positivo. Fui participar e minha equipe acabou ficando em primeiro lugar!

Quando ganhamos a competição, eu fiz uma promessa de que eu faria tudo para alcançar o máximo de crianças que fosse possível com esta conquista. Começamos a idealizar alguns projetos, e recebemos muito apoio da Positivo.

E o último projeto que eu tive com a BBC micro:bit no ano passado foi justamente o Micro:bit Global Challenge. Eu tive bastante contato com o pessoal da Microbit Foundation, e eu falei que gostaria de aplicar o projeto aqui em Manaus. A repercussão foi grande na cidade, e várias crianças se inscreveram. Não contei para as crianças a possibilidade de uma premiação em Londres, apenas para os pais, para não criar expectativas: eram apenas seis vagas para o mundo todo, não esperávamos ganhar.

Mesmo assim, fomos escolhidos para apresentar o projeto em Londres, e a Positivo esteve do nosso lado dando suporte para a viagem. A aluna que foi comigo é uma menina que tem poucas condições, então fico muito contente em ajudar a mudar a realidade dela e mostrar que tem um mundo lá fora que ela pode conquistar através da tecnologia. E acho que é esse o espírito dos Embaixadores: o sentimento de responsabilidade de compartilhar conhecimento e inspirar outras pessoas. Essa sempre foi minha filosofia de vida, então acho que juntou o útil ao agradável: eu conheci as pessoas certas para fazer as coisas certas.”

Quer começar a inovar dentro de sua escola, multiplicar seus conhecimentos e ser certificado pela LEGO® Education Academy? Fique por dentro das próximas edições: acesse o site ou as redes sociais do Embaixadores da Inovação: https://www.facebook.com/embaixadoresdainovacao/ e https://www.instagram.com/embaixadoresdainovacao/

Formação para professores e educadores: vem aí mais uma edição do Embaixadores da Inovação

A nova oportunidade de formação de professores e educadores será nos dias 25 a 27 de junho e contará com participação especial. Confira! Vamos combinar: não é todo dia que nós, imersos e apaixonados pela educação, temos a oportunidade de participar de uma formação...